• Banner Policlínicas Regionais

Notícias

20/11/2017 11:50

CBPM vai expor artesanato mineral na Fenagro/2017

A Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado (SDE), terá um estande durante a 30ª edição da Fenagro, que será realizada de 25 de novembro a 03 de dezembro de 2017, no Parque de Exposições Agropecuárias da Bahia, na avenida Paralela, em Salvador. Durante a Fenagro, a CBPM vai expor peças do artesanato mineral produzidas através do Programa de Inclusão Social da Mineração (Prisma).

O Prisma foi criado pelo Governo do Estado para implantação de unidades de produção de pequeno porte com a finalidade do aproveitamento de substâncias minerais e dos rejeitos de diversas atividades industriais da mineração, por artesãos ou pequenas comunidades, predominantemente no semiárido baiano.

Cabe à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) a política pública institucional, que estabelece as diretrizes políticas, sociais e econômicas e coordena as relações institucionais de apoio, promoção e fomento.

A CBPM é responsável pela gestão técnica e operacional do Programa em relação à implantação, supervisão, acompanhamento e fiscalização dos projetos e o desenvolvimento das atividades e ações, para orientar as prefeituras e entidades privadas sem fins lucrativos (associações, cooperativas, sindicatos, fundações, entre outras), interessadas em participar do Prisma.

O Programa desenvolve ações em áreas distintas. O Projeto Artesanato Mineral promove a implantação de núcleos para a produção de adornos, bijuterias, estatuetas, gemas lapidadas e objetos utilitários, aproveitando pequenos depósitos ou ocorrências minerais, enquanto o Projeto Paralelepípedo desenvolve ações voltadas para a formação e o treinamento de mão-de-obra na produção de materiais de pavimentação, em municípios com esta carência.

Já o Projeto de Exploração Mineral Comunitária desenvolve ações de suporte e incentivo à extração e ao beneficiamento em pequena escala de recursos minerais por pequenos mineradores reunidos em Associações, Cooperativas ou ainda em garimpos. Os principais mercados para esses produtos são as indústrias química, cerâmica e da construção civil.

Fonte: Texto: Amarildo Barbosa (Semae/CBPM)

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.