Notícias

21/11/2018 14:40

UFRB realiza I Seminário sobre Mineração e Meio Ambiente da Bahia

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), por meio do Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB) e do Núcleo Tecnológico de Estudos dos Impactos da Mineração (NEIM), promoveu entre 11 a 14 de novembro, em Cruz das Almas, o I Seminário de Mineração e Meio Ambiente da Bahia. O evento reuniu estudantes de graduação, pós-graduação, pesquisadores de temáticas relacionadas à mineração e meio ambiente, além da sociedade civil.

A abertura do Seminário foi realizada no domingo, 11, e contou com a participação do reitor da UFRB, Silvio Soglia; da vice-reitora, Georgina Gonçalves, e da coordenadora do evento, Marcela Rebouças. "A mineração tem sido um pilar econômico muito forte no nosso país e daí a preocupação da Universidade no impacto ambiental das atividades de exploração a partir do desenvolvimento de uma série de estudos como faz o NEIM na nossa instituição", disse Soglia.

Segundo Marcela Rebouças, coordenadora do evento, a ideia de organizar o Seminário nasceu a partir da experiência exitosa adquirida com a conclusão da primeira turma do curso de Pós-graduação Lato Sensu, na modalidade Ensino à Distância (EaD) do curso de Mineração e Meio Ambiente. O curso de especialização, considerado único nesta modalidade em território nacional, discutiu em seus componentes diferentes abordagens ao discurso ambiental, econômico e social da mineração.

A palestra de abertura foi realizada pelo professor Paulo Gabriel Soledad Nacif, ex-reitor da instituição. Nacif falou da alegria em participar do evento e relatou a trajetória do NEIM na instituição.

Já no segundo dia de evento, o representante da Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM), Ernesto Fernando Alves da Silva, apresentou a exposição: "Exploração e distribuição da riqueza dos recursos minerais no Brasil". Na ocasião, Ernesto fez um panorama da mineração no país e seus impactos econômicos e ambientais, além de descrever fenômenos e levantamentos geológicos, geofísicos e geoquímicos no campo da mineração da Bahia.


Fonte: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.